familia facebook pixel

Aprendendo inglês!

Aprendendo inglês!!

Aprendendo inglês!!

Uma palavrinha aqui. Outra lá. De repente, uma frase. E assim minhas pequenas vão, aos pouquinhos, se adaptando a nova língua e, devagarinho, aprendendo inglês de verdade! É uma delícia acompanhar esse processo, ver o progresso delas. É como se mais uma etapa da adaptação tivesse sendo concluída, sabe? Algo do tipo: idioma – ok. Posso riscar da lista!

Ufa! Em todas as minhas pesquisas sobre morar fora do país com criança pequena eu sempre lia que para elas era mais fácil, que em seis meses os pequenos já conseguem se comunicar e que em menos de um ano falam a nova língua com fluência. Dizem que são “esponjinhas”, que assimilam tudo mais rápido do que nós, adultos. Mas garanto que ver minhas filhas aflitas por não conseguirem brincar no parquinho  porque ninguém fala a língua delas foi, no mínimo, angustiante.

Fora que ao deixar as crianças num ambiente totalmente novo, sabendo que elas não entendem o que a maioria das pessoas fala faz com que qualquer mãe se descabele e passe o dia pensando na hora de ir buscar suas crias e colocar no colo. Será que elas comeram? Será foram ao banheiro? Será que conseguem pedir para alguém me ligar se não estiverem se sentindo bem? São tantas as perguntas que a gente se faz, tantas dúvidas que eu diria que essa mudança de vida é uma das coisas mais difíceis que já fiz nos meus 40 anos. E olha que eu já enfrentei grandes desafios!

E não adianta os especialistas dizerem que as crianças vão sobreviver e, um dia, vão aprender. Nós, mães, queremos tirar delas o medo, a ansiedade, a aflição. Não queremos que elas sofram (principalmente porque a decisão da mudança foi nossa e não delas!). Enfim, estamos aqui há quatro meses e o que eu posso dizer (principalmente pra você que lê esse texto e quer se jogar no mundo como nós) é que as minhas pequenas já estão falando um pouquinho de inglês e entendendo bastante. A fluência ainda demora. Mas agora tenho certeza que Nina e Maitê conseguem entender e se fazer entender. Não é por nada não mas perceber isso numa segunda-feira (aqui não é feriado) faz o dia ficar mais bonito!

10 Discussions on
“Aprendendo inglês!”
  • Que bom, Pat! Por mais que a gente leia tudo (eu tb sou dessas, rsrsrs) e acredite que vai dar certo, a preocupação com as pequenas sempre acontece! Deve ser um alívio danado ver, na prática, que elas estão vencendo mais esta etapa! Sem contar que deve ser a coisa mais fofa do mundo ver estas princesinhas pequenininhas falando inglês! Bjs

  • Oi Patricia! Que bom ler esse post e ver que vpc^está mais tranquila. Nunca comentei aqui, mas quando descobri seu blog gostei tanto que li todos os posts. E me encanta o fato de você responder todos os comentários, realmente isso é um diferencial! Lembro do Guilherme no inicio, lá no AXN (e eu ainda continuo a louca das séries) e também curto o seu trabalho! Saludos desde a Patagônia Argentina!

  • Gostaria de saber em qual escola elas estão pois estamos pensando em quem sabe ir nas as dúvidas São muitas minha filha tem 12 anos e consigo ficar tranqüila lendo vc Bjs
    !!!

    • Oi, Cassandra! Sua filha é bem mais velha que as minhas…não adianta muito eu te dizer a escola das minhas por isso…não sei até que idade vai a escola da minha maior. Vou ver e te falo, tá? Mas vc tem que vir aqui ver os bairros, depois as escolas…é um longo processo que exige disposição e coragem! Bjo e boa sorte!

  • Vivaaaaa!!! E assim, é dado o 1o passo das muitas conquistas que virão na vida delas.. e da família toda também! Parabéns!! bjs

Deixar um comentário

Seu email não será divulgado.

x

Família Muda Tudo!

Assine o Blog da Família Muda Tudo!

*